Dia 17 – Dicas

 

1. Prepare um evento evangelístico (evento-ponte) especialmente para um segmento da sociedade, como por exemplo: policiais militares, bombeiros, professores etc.

 

2. Se você possui o dom de cura, use-o para ganhar almas. Faça uma campanha de oração pelos enfermos.

 

3. Mateus era um discípulo popular que, quando se converteu, fez uma festa e convidou todos os amigos para ouvir Jesus. Veja se há um “Mateus” na célula (Mt 9.9-10).

 

4. Use o batismo de cada novo membro como pretexto para uma festa de testemunho para a família dele.

 

5. André foi alguém que, quando se converteu, chamou Pedro, seu irmão. Veja quantos “Andrés” há na célula. Estimule-os a convidar os seus irmãos (Jo 1.41-42).

 

 

 

6. Lázaro foi um dos que Jesus ressuscitou dos mortos. Ele não precisava falar nada. As pessoas vinham apenas para vê-lo. Veja se há um “Lázaro” na célula e leve-o a testemunhar (Jo 12.1).

 

7. Use a revista da igreja como um cartão de visitas para convidar não-cristãos para a reunião da célula.

 

8. Se o seu bairro é pobre, talvez seja uma boa ideia fazer um sopão, ou algum outro tipo de projeto social para atrair a vizinhança.

 

9. Você já pensou em entrar numa sala de bate-papo na internet, para falar de Jesus? Não despreze nenhum tipo de oportunidade.

 

10. Experimente usar um filme secular para trocar ideias com não-cristãos sobre o que é o novo nascimento ou sobre o sentido da vida. Vendo tais filmes, eles poderão se desarmar.

 

11. Procure desenvolver um interesse real pelas pessoas. Quando se sentem importantes e valorizadas, elas se abrem para o evangelho.

 

12. Não tenha receio de fazer apelos e desafiar pessoas a crerem em Jesus. Mesmo que haja um único visitante na célula, desafie-o a crer!

 

13. Faça pelo menos um evento-ponte a cada dois meses. Planeje-o com antecedência e com oração e jejum. Qual foi o último que você realizou na célula? Pode ser um bom momento para planejar outro.

 

14. Durante um tempo, a célula poderá fazer rodízio de anfitrião, se reunindo, a cada semana, na casa de um membro. Essa pode ser uma boa forma de atrair parentes e visitantes.

 

15. Torne-se um servo de quem você quer atrair para Jesus, ajudando-o em alguma necessidade que tenha, como cuidar de um bebê recém-nascido, fazer compras para ele etc.

 

16. Ensine a célula a usar “As quatro leis espirituais”, da Cruzada Estudantil. Depois, desafie cada membro a pregar na escola, no trabalho e em casa. Células que semeiam certamente colherão.

 

 

 

17. Prepare uma noite de serenata para cada visitante que foi à célula num determinado mês. A serenata tem um grande poder de amolecer corações.

 

18. Faça um cartão personalizado da célula. Dê uma quantidade para cada membro e peça-lhes que os distribuam entre seus próprios amigos.

 

19. Não há um modo correto para você multiplicar a célula. Seja criativo e experimente todas as estratégias que o Espírito Santo inspirá-lo a fazer.

 

20. Deixe uma cadeira vazia em toda reunião da célula. Leve todos a orar para que ela seja ocupada nas próximas reuniões, por um novo convertido.

 

21. Não tenha receio de usar um velório como meio de evangelização. Muitas pessoas só pensam na morte nesses momentos.

 

22. O segundo domingo de maio é o Dia das Mães. Que tal fazer um evento-ponte para todas as mães da região, ou para as mães dos membros da célula? Não perca oportunidades!

 

23. Anuncie constantemente o alvo de multiplicação para a sua célula. Estabeleça uma data-limite e declare desde já a vitória do plano.

 

24. Se você acabou de conhecer alguém que está sem célula na igreja,, não hesite em convidá-lo. Às vezes, temos de pescar dentro de nosso próprio aquário.

 

25. Cada líder deve lembrar constantemente os membros da célula de convidar os amigos para a reunião.

 

26. Líderes experientes sabem que é necessário convidar vinte e cinco pessoas para que, no mínimo, quinze compareçam. Das quinze, apenas oito virão realmente. E, das oito, somente cinco ou menos se decidirão a permanecer. Portanto, convide muitas pessoas.

 

 

 

27. Tente fazer jantares evangelísticos, eventos sociais, piqueniques e festas. Jesus sempre comia com as pessoas. Comida, descontração e visitantes são uma ótima combinação.

 

28. Faça o que funciona para você. O importante é que o evento atraia o visitante. Utilize o método à exaustão e, quando já estiver cansado dele, tente algo diferente.

 

29. A maioria das pessoas se converte aos poucos, gradualmente. Não desista se alguém parece estar retrocedendo. Crie um ambiente de liberdade e aceitação, e a pessoa acabará se firmando.

 

30. O Dia dos Namorados é um evento muito popular. Programe algo com os casais da célula. Talvez vocês possam fazer um jantar romântico na casa de um deles.

 

31. Faça um evento-ponte especial para a Páscoa ou o Natal. As pessoas se abrem para participar de eventos nessas ocasiões.

 

32. Uma maneira prática de conquistar a simpatia dos vizinhos é fazer um dia de serviços à comunidade, como amolar facas e tesouras, limpar jardins, lavar carros, arrumar telhados etc.

 

33. Leve os membros da célula a cultivar amizades com os vizinhos, convidando-os para almoçar ou participar de um churrasco na casa deles.

 

34. Se vários membros da célula vivem numa mesma área ou condomínio, juntem-se e façam uma refeição para os novos vizinhos recém-chegados.

 

35. Sua célula é capacitada a alcançar certos tipos de pessoas. Existem alguns tipos que sua célula jamais alcançará. Então, invista naquele tipo de peixe que você é capaz de pescar.

 

36. Como líder de célula, você vai atrair pessoas semelhantes a quem você é, e não quem você quer. Se você é jovem, pregue para jovens, e assim por diante.

 

 

 

37. Não tente ser algo que você não é. Procure aperfeiçoar sua bagagem e experiência, e invista tempo em alcançar aqueles que se parecem com você.

 

38. Pessoas com familiares doentes, pais com filhos problemáticos, casais com problemas conjugais e financeiros estão mais abertos para ouvirem de Jesus.

 

39. Você é um pescador. Saiba que peixes você quer pegar. Cada tipo de peixe exige uma isca específica e uma época específica de pescaria. Escolha um público-alvo.

 

40. Você é um pescador. Diferentes tipos de peixes se alimentam em diferentes locais, em horas diferentes do dia. Vá onde os peixes estão. Nem todo peixe virá à sua célula.

 

41. Você é um pescador. Aprenda a pensar como tal. Entenda os hábitos e os gostos de cada peixe. Em outras palavras, fale uma linguagem que as pessoas entendam.

 

42. Você é um pescador. Uma pescaria bem-sucedida requer que façamos coisas desagradáveis para nós, mas boas para os peixes. Faça qualquer coisa para pescar uma alma.

 

43. Você é um pescador. A maioria tem o hobby da pescaria, mas você é um pescador que possui responsabilidade diante de Deus. Seja sério e diligente na pescaria e os peixes virão.

 

44. Encoraje aqueles que estão sendo batizados a convidar os seus amigos não-crentes para assistirem ao batismo. Use o batismo como um evento-ponte da célula.

 

45. Leve toda a célula a fazer uma oração de entrega a Jesus. Depois, pergunte se alguém nunca fez aquela oração antes. Leve a pessoa que se decidiu a reafirmar a entrega de forma voluntária.

 

46. Nunca deixe de orar por cura, se houver alguém enfermo, nem por libertação, se houver alguém oprimido na célula. Os milagres são a grande isca de Deus para salvar as vidas!

 

 

 

47. Se você possui o dom, experimente fazer uma campanha de cura, libertação, ou prosperidade, por sete ou dez reuniões seguidas. Não tenha preconceitos com métodos.

 

48. O segundo domingo de agosto é o Dia dos Pais. Que tal fazer um evento-ponte para todos os pais da região, ou para os pais dos membros da célula? Não perca oportunidades.

 

49. Se alguém na célula possui o dom de evangelista, use-o para começar uma célula pioneira numa outra região da cidade.

 

50. Estamos numa guerra. Espere por lutas. Prepare-se para elas. Uma célula é um pelotão empenhado em assaltar as portas do inferno para libertar as vidas.

 

51. Ore para que Deus manifeste sinais na célula. Isso fortalece a fé dos irmãos e atrai os não-cristãos.

 

52. Nunca deixe de participar de festas na sua empresa, na sua escola ou no seu prédio. São excelentes oportunidades para se fazer amizades e dar testemunho.

 

53. Se a célula tem disponibilidade, experimentem fazer outra reunião com ela exclusivamente para evangelismo.

 

54. Não fale de Jesus às pessoas assim que as encontrar pela primeira vez. Primeiro converse com elas sem nenhum interesse e torne-se amigo. Supra as suas necessidades e ame-as.

 

55. Se a sua célula tem sete pessoas e você quer multiplicá-la em um ano, o seu desafio será ganhar duas pessoas a cada quatro meses. Não parece ser tão difícil, parece?

 

56. Podemos fazer convites, eventos, visitas e tudo o que for necessário para encher a célula de visitantes, mas se alguém não falar algo da parte de Deus com paixão, as pessoas não voltarão.

 

57. É a verdade que liberta. Precisamos ter uma palavra viva, se queremos ver gente sendo liberta. Não temos de pregar muito, mas temos de pregar a verdade com vida.

 

 

 

58. É a unção que liberta do jugo. Precisamos orar para que haja um fluir na célula e as pessoas sejam livres das cadeias malignas, pela unção de Deus.

 

59. Crescimento não acontece por acaso. Você precisa querer se multiplicar e se aplicar nesse propósito. Fale disso, compartilhe isso e faça-o!

 

60. Estimule os membros da célula a ampliarem seus círculos de amizade. Quanto mais amigos não-convertidos eles tiverem, maiores serão as chances de multiplicação!

 

61. Existe uma lei chamada de Lei do Número Máximo. Que lei é essa? Se você deseja ter quinze visitantes no evento-ponte, então convide pelo menos sessenta.

 

62. Não confunda atividade com produtividade. Não queira apenas fazer um evento-ponte para cumprir um programa. Queira frutos, resultados.

 

63. O preço do crescimento da célula é ouvir “não” centenas de vezes. Ensine os membros da célula a não ficarem desanimados com recusas.

 

64. Convide um amigo para a reunião da célula, pelo menos uma vez por mês, durante pelo menos um ano. “Água mole em pedra dura…”

 

65. O dia 12 de outubro é o Dia das Crianças. Programe um evento-ponte para atrair as crianças do bairro. Conte alegremente para elas que o reino dos céus já é delas.

 

66. Receba as crianças da maneira como Jesus fazia: abençoandoas e impondo-lhes as mãos para orar. Pregar para as crianças é uma boa isca para também atrair os pais.

 

67. Uma pesquisa comprova que mais de 50% dos membros das igrejas se converteram antes dos 13 anos de idade. Essa é a melhor fase para apresentarmos o plano do amor de Deus a elas.

 

 

 

68. Use as crianças como agentes do Reino. Não permita que as crianças fiquem fora de nenhum projeto de oração ou jejum da célula! Adapte o projeto para a realidade delas.

 

69. No dia 2 de Novembro, os cemitérios da cidade estarão cheios de pessoas visitando sepulturas de entes queridos. Por que não sair com a sua célula para distribuir folhetos ali?

 

70. O amor aproxima as pessoas como um poderoso ímã. A falta de amor faz com que as pessoas se afastem. Não apenas ame as pessoas, mas demonstre esse amor por elas na célula.

 

71. Lembre-se de que os parentes e os amigos dos novos convertidos são as pessoas mais receptivas ao evangelho e devem ser o seu alvo primordial.

 

72. A maioria das pessoas se sente constrangida ao ser convidada para assistir a um culto, mas nunca se constrange quando o convite é para uma festa. Faça, então, festas evangelísticas.

 

73. Planeje um “Jantar da amizade” em vez do encontro normal da célula e convide amigos não-cristãos.

 

74. Durante uma reunião da célula, assistam a um filme evangelís¬tico, em vez de terem um estudo bíblico.

 

75. Muitas pessoas fechadas ao evangelho se abrem quando enfrentam uma enfermidade ou problema na família. Ore por milagres! Espere por milagres! A explosão é uma questão de tempo.

 

76. Dezembro é o mês do Natal. Use essa data para fazer um evento-ponte com as crianças da rua ou com os parentes dos membros da célula. O amigo-oculto pode ser uma boa ideia.

 

77. Estimule os membros a testemunhar na célula o que Deus tem feito na vida deles. Isso fortalece a fé de todos e abre o coração do visitante.

 

 

 

78. Ensine aos membros da sua célula o que significa oikos (relacionamentos com família, colegas de trabalho, vizinhos e colegas de escola). Ensine-os a fazer evangelismo por amizade.

 

79. Incentive os membros da célula a fazer das festas de aniversário, ou qualquer outra comemoração, um motivo para convidar amigos não-crentes e testemunhar a eles.

 

80. Recomende aos membros da célula a não se isolar dos incrédulos, e sim a estar no meio deles a fim de atraí-los para Jesus.

 

81. Faça um rodízio entre os membros, durante certo período, com o propósito de evangelizar os familiares e amigos de cada um.

 

82. Torne-se um servo daquele que você quer ganhar para Jesus, ajudando-o em suas necessidades, por exemplo: carregar sacolas, lavar roupas quando um bebê nasce, oferecer e dar carona etc.

 

83. Faça evangelismo em equipe. Experimente bater de porta em porta e entregar um convite ou um folheto a respeito do evangelho.

 

84. Use as crianças como instrumento para ganhar os pais. Muitos adultos estão nas células por causa de uma criança. São muitos os testemunhos de crianças que atraíram pais não-cristãos às células.

 

85. As crianças são mais fiéis freqüentadoras das células do que seus pais. São elas que não deixam os pais faltarem às reuniões, porque elas não querem faltar. Use-as como meio para consolidar os pais!

 

86. Seja espontâneo ao falar de Jesus! Fale do evangelho com a mesma espontaneidade que você fala do seu time de futebol, ou daquilo que mais gosta de fazer!

 

87. Se no seu bairro existe uma gangue, ore pela conversão do líder e você receberá todos os outros membros juntamente com ele.

 

88. Faça um relação de pessoas da vizinhança e ore por eles. Depois faça uma visita a eles e convide-os para a célula.

 

89. Existem muitas empresas de telemensagens. Use esse recurso e mande mensagens para os visitantes que forem à célula.

 

 

 

90. As pessoas não se importam com o quanto você sabe, até elas saberem o quanto você se importa. Visite o novo convertido imediatamente após a decisão dele por Cristo.

 

91. Há uma estatística que mostra que 85% dos decididos que são visitados até 36 horas depois permanecem. Entretanto, somente 60% dos que são visitados 72 horas após retornam, e apenas 15% dos que são visitados uma semana depois voltam. O que você está esperando? Vá visitá-los!

 

92. Caso você não possa fazer uma visita em 36 horas, dê um telefonema ou envie uma mensagem para o novo convertido ou visitante,. Nunca deixe de contactar o novo decidido!

 

93. Não espere que o novo convertido vá sozinho à reunião da célula. Busque-o, ou determine alguém para fazê-lo.

 

94. Valorize o momento do lanche na célula. Ele pode ser a chave para ganhar o visitante. Estimule a célula a ficar em função do visitante nesse momento.

 

95. Com respeito ao novo convertido, lembre-se: visite-o, sentese ao lado dele no culto de domingo, convide-o para almoçar na sua casa e ligue frequentemente para ele.

 

96. Faça um rodízio na célula para cuidar do novo convertido. Escolha três pessoas para se revezarem, ora visitando-o, ora ligando para ele, durante toda a semana.

 

97. Deixe bem claro aos membros que eles precisam ter como prioridade fazer com que os novos convertidos se sintam à vontade na célula.

 

98. Consolidar é formar vínculos de amizade. Um novo convertido só se consolidará na célula se for envolvido com amizade. Um novo decidido precisa fazer pelo menos seis novas amizades na igreja, para poder continuar participando. Estimule os vínculos de amizade!

 

 

 

99. Uma pesquisa feita com crentes que estão fora da igreja mostrou que 70% deles saíram da igreja porque sentiam que ninguém se importava com eles. O amor é a chave para ganhar e consolidar.

 

100. Nunca se esqueça de um visitante e também nunca deixe que um visitante se esqueça de você! Não espere que ele volte à célula. Providencie antes para que alguém vá até ele!